Notícias da CERR

Notícias da CERR

18/05/2020

imagem da notícia

Um dos setores que mais recebe investimentos no Governo de Roraima é a infraestrutura. Por ela passam obras de todos os setores, como saúde, educação e melhoria em estradas e vicinais. Em entrevista à Rádio Roraima (AM 590) nesta sexta-feira, 15, o governador Antonio Denarium destacou os avanços na infraestrutura em cada setor.

Antonio Denarium afirmou que o Estado trabalha incansavelmente para proporcionar melhorias na infraestrutura em todos os setores e, para isso, conta com o apoio dos parlamentares. “Nossos senadores e deputados federais e estaduais destinam recursos para que nós possamos executar todo esse trabalho. Trabalhamos para proporcionar o desenvolvimento tão sonhado pela nossa população”, pontuou.

A secretária de Articulação Municipal, Ilaine Henz, ressaltou que as melhorias na infraestrutura de estradas e vicinais, na saúde e na educação nos municípios do interior são demandas da população, prefeitos e vereadores. “Nosso trabalho é justamente ouvir as demandas da população que tanto precisa, levamos para o governador e para a Seinf [Secretaria de Infraestrutura], que busca recursos junto aos nossos parlamentares para executar esses trabalhos”, disse.

No quesito melhorias de estradas e vicinais, o titular da Seinf, Edilson Lima, disse que o Governo de Roraima trabalha na recuperação e reconstrução de pontes para melhorar a trafegabilidade. No total, entre as construídas, as que estão com obras em andamento e as próximas a serem executadas, são 79 pontes de madeira e de concreto desde janeiro de 2019.

“No município de Cantá, já foram construídas 19 pontes de madeira e atualmente estão sendo reconstruídas cinco na vicinal 2 do Picadão e já foi concluída uma na região do haras. Em Mucajaí, as vicinais 2 e Embrapa foram beneficiadas recentemente com cinco pontes novas de madeira. Outras 10 pontes de madeira, atualmente com o processo licitatório na fase interna, serão recuperadas nas vicinais 8, Jacamim 1, 7, Tatajuba, RR-207 e Serra Grande 1 e 2. no Cantá, além da vicinal da Estação Ecológica de Maracá, em Alto Alegre”, listou.

Lima também anunciou que na RR-325, entre os municípios de Mucajaí e Alto Alegre, uma ponte de madeira foi reconstruída e terá cinco novas pontes de concreto, via dupla. A ordem de serviço já foi emitida. Para a realização das obras de melhorias das pontes, o Governo de Roraima conta com recursos próprios do Estado e emendas dos deputados estaduais.

O governador Antonio Denarium ressaltou que atualmente o Governo trabalha para melhorar as condições de 2,7 mil quilômetros de estradas. Ele acredita que a boa trafegabilidade das rodovias é essencial para o escoamento da produção, transporte das famílias e evolução da economia.

“São em torno de R$ 330 milhões de investimento para a malha viária, entre o que está sendo feito e previsão para 2020. Desse total de quilômetros atendidos, entram as patrulhas mecanizadas que melhoraram 420 quilômetros de vicinais em Rorainópolis, Bonfim, São João da Baliza, São Luiz, Caroebe, Caracaraí, Iracema, Canta, Alto Alegre, Mucajaí, Pacaraima e Amajari”, detalhou o governador.

Um dos municípios que mais receberam investimentos na infraestrutura de pontes, estradas e vicinais, foi Alto Alegre. O prefeito Henrique Machado frisou que esse trabalho proporciona melhorias para diversos setores. “Se eu tenho estradas boas, eu consigo escoar produção, garanto acesso de transporte escolar sem riscos aos alunos e o acesso a outros serviços, como saúde e educação. Essa parceria com o Governo do Estado é fundamental nesse sentido”, declarou.

RR-325 – O trabalho para melhorar as estradas inclui asfaltamento, manutenção, recuperação e serviços paliativos por meio de patrulhas mecanizadas. Atualmente, a RR-325 passa por asfaltamento em um processo de recuperação com investimento de R$ 5,8 milhões.

BR-174 – Outra importante rodovia, a BR-174 no sentido norte, foi contemplada com tapa-buraco e recebe ampliação de acostamento. O trecho do rio Cauamé até a entrada da Pedra Pintada será recuperado, além da duplicação da ponte do Cauamé até o Parque de Exposições Dandãezinho. Os recursos para o trabalho na BR-174 norte serão de R$ 141,2 milhões ao final da obra.

Estradas nos municípios de São Luiz e São João da Baliza também foram beneficiadas neste ano, com recursos estimados em R$ 2,3 milhões. A previsão é de mais obras ao longo de 2020. A RR-203, que dá acesso à Serra de Tepequém, será recuperada. A abertura do processo licitatório ocorrerá no dia 25 de maio. A RR-205 também está com processo licitatório em andamento.

Governo investe em saúde na capital e no interior

Outro tópico abordado durante a entrevista foram os investimentos de infraestrutura na saúde. No HGR (Hospital Geral de Roraima) uma das obras é a ampliação do Grande Trauma. Mais 25 leitos estarão disponíveis após o término. Com a ampliação, a unidade passará a ter o total de 49 leitos. Os recursos para a obra são de emenda parlamentar do deputado federal Hiran Gonçalves, no valor de R$ 2.714.857,53. Com previsão para conclusão em setembro deste ano, a obra está 45% finalizada.

O Bloco B do HGR, destinado para pneumologia e infectologia, recebeu investimento de R$ 1.085.308,25, oriundo de emenda parlamentar da ex-senadora Ângela Portela. “A atual gestão do Governo de Roraima se deparou com uma obra que ainda não tinha saído do papel, pois o projeto da gestão passada não havia sido aprovado. A equipe técnica da Seinf fez ajustes no projeto e o mesmo pôde ser aprovado e licitado. A previsão para conclusão é em julho deste ano”, disse o governador.

OUTROS BLOCOS DO HGR – Também serão reformados os blocos A, C e D. “Está tudo certo para o início das obras. Só não foram iniciadas porque a direção do HGR pediu para esperar um pouco por conta da pandemia do Coronavírus. Os blocos A (oncologia e área de convivência) e D (psiquiatria, reumatologia, endocrinologia, gastroenterologia e nefrologia) serão reformados com recursos de emenda do deputado federal Jhonatan de Jesus, nos valores de R$ 1,7 milhão (Bloco A) e cerca de R$ 900 mil (Bloco B). Na reforma do Bloco C (cardiologia) serão investidos R$ 773 mil, provenientes de emenda da ex-senadora Ângela Portela.

MATERNIDADE – No HMINSN (Hospital Materno Infantil Nossa Senhora de Nazareth), o Governo do Estado investiu de R$ 309.999,00 na reforma de cerca de 20 ambientes, entre consultórios, sala de espera, recepção, sala dos enfermeiros, estacionamento, sala de teste de HIV, entre outros. A obra foi concluída em setembro.

Atualmente ocorre a reforma no Bloco das Azaleias (enfermagem). A obra teve início no mês de abril com a demolição de boa parte da estrutura que não era mais adequada. A reforma avança com a execução da alvenaria, início das instalações hidrossanitárias, cortes nas paredes para passagem de tubulação elétrica, chapisco e construção de um novo piso. Com 7% executada, a obra tem previsão para ser concluída em setembro deste ano.

ESCOLAS – Na educação, o governador anunciou a construção de quatro novas escolas na capital, nos bairros Pérolas do Rio Branco, Cidade Satélite, Cruviana e São Bento. Também serão reformadas 62 escolas em todo o Estado ainda em 2020.

Nas comunidades indígenas, serão reformadas 70 unidades de ensino com R$ 20 milhões de emendas parlamentares impositivas da deputada federal Joênia Wapixana. A Escola Estadual Indígena Pedro Terêncio foi construída na comunidade indígena Marupá, em Bonfim. Os recursos, no valor de R$ 1.043.580,85, são do FNDE (Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação). A escola tem quatro salas de aula, banheiros, biblioteca, salas administrativas, pátio coberto, área de serviço, cozinha, almoxarifado e sala de informática.

 Fonte: Secom-RR